quarta-feira, 8 de abril de 2015

Capítulo 53- Eu te amo do amanhecer ao anoitecer e mesmo quando durmo, ainda te amo.

A Lívia só acordou no inicio da noite, e eu aproveitei esse tempinho pra descansar, arrumei as roupas e sapatos no closet e dei um jeitinho no quarto da minha pequena. Quando ela acordou, dei sua papinha de frutas e fiquei na sala com ela até umas dez horas, depois o sono bateu e fui pra ela com o quarto, gritei pelos meus filhotes e logo pude ouvir o barulho deles correndo, coloquei um pijama e como a Lívia estava com uma roupinha confortável deixei ela com aquela roupa mesmo, a Nika subiu na cama e deitou no seu cantinho, o Poker também fez isso, Júnior que não fique sabendo disso. Deitei com a minha pequena e liguei a TV, coloquei em um canal de jogos e estava mostrando alguns momentos do treino do Barcelona, mostrou várias e várias vezes o Júnior, e minha saudade só aumentou, a Lívia pegou no sono e eu aproveitei pra conversar com meu pimpolho.

Isa: oi amor da mamãe- acariciei minha barriga e senti uma mexidinha, bem de leve- gosta de ouvir a voz da mamãe?- fiquei conversando um bom tempinho com ele, e como é bom essa sensação de senti-lo mexer dentro de mim, uma sensação única, sem explicação. Qualquer pessoa que me pedir pra explicar isso, faltam-me palavras, não da. Acabei pegando no sono e nem vi se meus filhotes ficaram lá com a gente (...) Acordei com alguns tapinhas no rosto, tive uma certa dificuldade para abrir os olhos, pois ainda estava morrendo de sono, abri os olhos e vi um sorriso enorme no rosto do meu amorzinho, e foi impossível não sorrir também- bom dia, princesa- dei um beijinho nela, ainda enrolamos um pouquinho na cama, mas logo levantei, dei um beijo na Nika e no Poker e depois fui pro quarto da Lívia com ela. Dei um banho nela, e deixei-a com um vestidinho roxo, voltei pro meu quarto e troquei de roupa, desci e fui pra cozinha, preparei o cafezinho da Lívia e dei pra ela, depois preparei o meu e comi vendo minha pequena morder o mordedor dela. Coloquei comida para os filhotes, lavei o que sujei e peguei a Lívia. Olhei as mensagens do meu celular, e o Júnior mandou mensagem avisando que tinha chego às 02:38, nem respondi, conversei com as meninas da empresa e elas combinaram de vir pra ca no final de semana. Liguei a TV da sala e deixei em um canal de desenhos, peguei meu macbook e pesquisar algumas coisas sobre blogs de decoração e tive uma pequena ideia de como é. Achei algumas coisas bem interessantes, e que me deram mais vontade de criar, preciso mesmo conversar com o João, ouvi o toque do meu celular, peguei o mesmo e era o Júnior.

inicio
Isa: oi amor
Júnior: oi, tudo bem?
Isa: tudo e ai?
Júnior: também, e a Lívia como ta?
Isa: ta aqui com seu mordedor assistindo desenho
Júnior: coloca ela pra assistir o jogo
Isa: ta bom, você chega que horas?
Júnior: só de madrugada, não precisa me esperar
Isa: tudo bem
Júnior: comprei uma coisinha pra você
Isa: o que?
Júnior: surpresa, amor- riu-
Isa: aff Júnior
Júnior: quando eu chegar, deixo do seu lado
Isa: ta, olha, bom jogo ta?! Entra com tudo, arrasa e faz um gol pra gente
Júnior: se Deus permitir, vou fazer
Isa: e cuidado com esses marmanjos que ficam de batendo, se te machucarem depois você me passa o nome que eu quebro eles
Júnior: pode deixar- gargalhou-
Isa: to falando sério, eu sou forte
Júnior: oo fortona- riu-
Isa: você vai ver quando chegar em casa, então..
Júnior: que medo dessa mulher
Isa: se prepara, vou te receber com socos e tapas
Júnior: e depois vai pra cama comigo- ouvi umas gargalhadas e ele riu-
Isa: Júnior, olha as coisas que você fala
Júnior: amor, eles fazem isso quase todo dia, relaxa
Isa: idai? não precisa ficar falando perto deles
Júnior: ok, desculpa, vou ter que desligar, da um beijo na minha princesa e outro no meu mulecão
Isa: nem sabe se é menino
Júnior: é menino
Isa: ok então- ri- boa sorte, te amo ta?!
Júnior: também te amo, beijo
Isa: beijo
término

Olhei pra Lívia e ela estava vidrada na TV, e os filhotes deitadinhos do lado dela, voltei ao meu trabalho, olhei alguns sites de fofoca pra ver se estavam falando alguma coisa, mas só do rendimento do Júnior no Barcelona, e graças a Deus estavam falando bem. Fechei o mac e fiquei assistindo desenho com a Lívia, ela soltava várias gargalhadas, mas acho que não estava entendendo nada, ria dos desenhos. Foi dando a hora do almoço e eu estava morrendo de preguiça de cozinhar, liguei em um restaurante de comida japonesa e pedi um yakissoba, peguei a Lívia e fui pra cozinha, esquentei sua papinha de carne e dei pra ela, limpei sua boquinha e voltamos pra sala, a campainha tocou, peguei o dinheiro que tinha deixado separado e fui atender a porta, peguei minha comida e paguei o moço, devorei meu yakissoba em menos de dez minutos, estava morrendo de fome (...) Passei a tarde inteira brincando com a minha pequena, ela bagunçou bastante com seus brinquedos, os filhotes ficaram eufóricos, arrumei tudo antes do jogo porque como o Júnior pediu vamos ficar sentadinhas assistindo o papai jogar, coloquei em um canal de esporte lá e estava passando o pré-jogo, nem prestei atenção, estava mexendo no celular e de olho na Lívia.
isabonilha: Sometimes we fall down because there is something down there we´re supposed to find.   
Nem olhei os comentários, porque a Lívia começou a chorar, peguei-a no colo e fiquei ninando-a, mas não resolveu, olhei sua fralda e estava limpinha, fome não era, pois tinha acabado de dar uma frutinha pra ela, fiquei com ela no colo, ninando, e ela acabou dormindo, Júnior que não fique sabendo disso. Deixei-a no meu colo mesmo e prestei atenção na TV, algumas vezes o Júnior aparecia, sempre com um sorriso no rosto, e eu sorria feito uma boba (...) O jogo acabou em 2x1, Barcelona ganhou de virada do PSG, e o Júnior fez um gol e dedicou a Lívia, fiquei toda babona. Levei minha pequena pro berço, liguei a babá eletrônica e depois fui pro meu quarto, tomei um banho quentinho e vesti uma camisola, desci pra colocar comida para os meus baby's e subi novamente, deitei na cama e liguei a TV, deixei na globo e ainda estava passando o jornal, mas logo começou a novela. Já estava quase dormindo quando ouvi a campainha tocar, olhei no relógio e eram 23:49, quem será uma hora dessa? O Júnior não é, a tia Nadine teria ligado. Dei uma passada no quarto da Lívia, olhei pela janela mas não dava pra ver muita coisa, tranquei a janela e saí, tranquei a porta do quarto e desci, olhei no olho mágico e vi um homem.

Isa: quem é?
xxx: entregador da floricultura- abri a porta devagarzinho e ele estava mesmo com um buquê- mandaram entregar pra senhora- me entregou o buquê e uma caixinha de veludo-
Isa: obrigada- sorri, e fechei a porta, abri a caixinha de veludo e tinha uma pulseira, com um coração escrito love e duas torres eiffel, sorri feiro boba, peguei o buquê e tinha um cartãozinho, peguei o mesmo e abri.

Eu te amo do amanhecer ao anoitecer e mesmo quando durmo, ainda te amo. Eu te amo nas três dimensões, nas quatro luas, nos quatro elementos, nas quatro estações, nos quatro pontos cardeais. Eu te amo nos cinco sentidos, nas sete cores do arco-íris, nas sete notas musicais, nos doze signos do zodíaco, em tudo o que existe eu te amo cada vez mais.Eu te amo na procela e na calmaria, em todos os josés e marias, nos infantes, nos anciãos, nos amigos, inimigos ou irmãos… Eu te amo em toda a criação. Eu te amo no caos aparente ou na mais perfeita estrutura… Eu te amo como o próprio criador ama a sua criatura. Eu te amo no vento que vem do norte, na linha do horizonte, na pequena fonte, nas nuvens grávidas de chuva… Eu te amo nos meus dias nefastos e nos meus dias de sorte. Eu te amo na árvore frondosa, na montanha majestosa, na pedra preciosa, nas miríades de estrelas do universo… Eu te amo no pequeno átomo, na imponderável constelação, eu te amo para além de qualquer humana compreensão. Eu te amo pelo pouco que sei de ti, pelo muito que ignoro e por aquilo que somente posso pressentir. Eu te amo na plenitude da lida, no ocaso da vida… E, depois que eu me for, nas lembranças que porventura eu deixar, hás de encontrar perfumados e palpitantes restos do que foi o meu amor!

Com amor,
NJ.

Ai gente, eu não aguento esse menino! É muito amor pra pouca pessoa, dei uma olhada na pulseirinha e fiquei completamente apaixonada. Tem como não se apaixonar por esse homem? Impossível! Fui com as flores pra cozinha e coloquei dentro de um jarro, voltei pra sala e coloquei-as em cima da mesinha de centro. Peguei a caixinha de veludo e o cartãozinho, subi, abri o quarto da Lívia, ela estava dormindo feito um anjinho, fui pro meu quarto e coloquei a caixinha e o cartão no criado mudo ao lado da cama, deitei e peguei meu celular, abri a conversa do Júnior no whats.

Não sei nem como te agradecer por essa surpresa, já estava quase dormindo e você me aparece aqui, e me da o maior susto! Só digo que te amo, e nada mais. Obrigada, obrigada e obrigada! Te amo muitooo.

Deitei com o celular e nem vi a hora que peguei no sono (...) Acordei com o chorinho da Lívia pela babá eletrônica, senti os braços do Júnior em volta de mim e levantei rápido pra não acordar ele, fui pro quarto da minha baby e ela estava sentadinha.

Isa: ahh sapequinha- ri, peguei-a no colo e lhe enchi de beijinhos, saímos do seu quarto e desci, preparei sua mamadeira e dei pra ela mamar, ela tampou os olhinhos com o braço e eu morri de rir- ai filha, você é uma figura- peguei o celular do Júnior que tava na sala e tirei uma foto dela, entrei no meu instagram e postei a foto dela.
isabonilha: bom dia cheio de sono, mamãe!!   
biamarinho: gostosa da tiaaaa   
ilovelivia: que deliciosaaaa, meu Deus
porvoceisab: aiiii meu deusi
weneedisab: que gracinha, gente
team_isamar: apaixonadaaaaaaa   
ourlovenjr: muito gostosa   
photosneymar: impossível não amar
gilcebola: Livinha é demaaaais   
fcneymar: princesa

Ela continuou assim até a mamadeira acabar, tirei a mamadeira da sua boquinha e depois o seu bracinho, e não é que a danada tava dormindo, arrumei-a e cobri-a direitinho.

Júnior: que cena maravilhosa- deu um beijo no meu pescoço-
Isa: bom dia, amor
Júnior: bom dia- sorriu- gostou da surpresa?
Isa: depois de quase morrer de medo, eu amei! Obrigada amor, de verdade, foi lindo
Júnior: sabia que você ia gostar, lembrei de você na hora- sorriu- então amor, eu to com fome
Isa: pega a Lívia ai e coloca ela no quarto, enquanto eu preparo alguma coisa pra comer- ele assentiu, dei um selinho nele e fui pra cozinha, abri a geladeira e vi o que tinha pra fazer, preparei um suco verde pra mim e um suco de laranja pra ele, fiz um lanche natural pra mim e dois misto quente pra ele, peguei alguns morangos e coloquei em cima da mesa, o Júnior ja estava ali esperando, mexendo no celular- prontinho
Júnior: que noiva prendada essa minha- riu-
Isa: sou né- rimos, sentei ao lado dele e tomamos café trocando muitas carícias. Assim que terminamos, lavei a louça que sujamos e coloquei pra secar, voltei pra sala e ele estava deitado no sofá, assistindo esporte, sentei e coloquei a cabeça dele no meu colo- será que não da pra desligar de futebol pelo menos um dia?
Júnior: mas eu amo isso
Isa: será que da pra dar atenção pra sua namorada?
Júnior: noiva! Mas é claro, amor- levantou e sentou pertinho de mim-
Isa: sabe quantos dias que eu to sem um beijo decente?
Júnior: quantos?
Isa: um!- ele gargalhou- quando é você, a coisa é séria né?!- ele riu ainda mais, se aproximou de mim e me beijou. Encerramos com selinho e ele deu uma mordinha no meu lábio inferior-
Júnior: pronto?
Isa: não- pulei em cima dele e beijei-o ferozmente, logo ele se animou e suas mãos passeavam pelo meu corpo, depois desse beijo, teve outro, outro e mais outro, e mais outro e se não fosse pelo fôlego iriamos continuar nos beijando o resto do dia, nunca vou me saciar dos beijos do homem que eu amo! Fiquei sentada em seu colo e ele conversando com a minha barriga, senti o bebê mexer um pouquinho, mas só por alguns minutinhos, ficamos trocando alguns carinhos até a Lívia acordar, ele subiu e foi fazer o papel de pai, e eu fui colocar comida pra Nika e pro Poker, que por sinal estavam famintos. Deixei eles comendo e subi pra ver a bagunça que as duas crianças estavam fazendo, entrei no quarto e fui pro banheiro, a Lívia tava que batia os bracinhos na água, molhando tudo o Júnior e ele só ria da diversão dela, pegava o patinho, enchia d'água e jogava na cabecinha dela, e ela? ah, adorava, soltava altas gargalhadas.
isabonilha: Papai em ação   
-imaginem a Lívia maior-

Coloquei o celular no bolso e fui ajuda-lo, peguei a toalha e enrolei-a na mesma, fui pro quarto e o Júnior ficou arrumando a bagunça no banheiro, enxuguei-a, passei pomada e coloquei sua fralda, peguei um body branco com uma estampa e vesti-a, penteei seu cabelinho e perfumei-a, o Júnior saiu do banheiro e veio pra perto de nós.

Júnior: as duas mulheres da minha vida- sorri, ele me abraçou por trás e deu um beijo na testa da Lívia, ele ficou mais um tempinho com a gente e depois foi tomar banho, peguei alguns brinquedos dela e fui pro meu quarto, coloquei em cima da cama e deixei-a brincando, peguei meu celular, entrei no insta e fiquei vendo os comentários da foto que tinha postado, todos elogiando o Jùnior. Curti e comentei algumas fotos, respondi algumas mensagens e dei uma passadinha no face, o Jú saiu do banheiro e deitou pra brincar com a Lívia, ficaram as duas crianças juntas, e eu só admirando aquela cena e imaginando quando o meu pimpolho nascer. E em falar nisso, estou tão ansiosa pra saber qual o sexo, mas esse baby não resolve cooperar, abri o calendário do meu celular e vi quando era a próxima consulta e estava marcado para o dia 23 de abril, as 11h. Coloquei um lembrete no meu celular pra um dia antes, deixei o celular de lado e fiquei brincando com os meus amores.


Olhaaa eu de novo, disse que não ia abandonar vocês, e não vou. Sei que a história ta mega chata, mas estou sem criatividade, prometo que vou tentar pensar em algo que de um UP na história, mas vocês podem me ajudar também. HELP ME, PLEASE!!!!! Preciso muito da ajuda de vocês, porque ultimamente não to conseguindo pensar em nada, comentem bastante ok?! beijosssss

domingo, 5 de abril de 2015

Capítulo 52- Dia com a mamãe...

Acordei com uma mão passando pelo meu rosto, abri os olhos bem devagar e vi o Jú.
Júnior: a gente pode conversar?- assenti, ele me ajudou a levantar e saímos do quarto, em silêncio, passei no quarto da Lívia e ela ainda dormia, fui pro nosso quarto, fiz minhas higienes e sentei na cama, ele apareceu com uma bandeja cheia de coisas gostosas, esse menino sabe como me amolecer. Sentou ao meu lado, roubei um frutinha e ele começou a falar- desculpa por ontem, eu não devia ter escondido aquilo de você, mas simplesmente não consegui contar, quando você viu a foto e ficou toda estranha, e não quis falar comigo, foi a única coisa que pensei pra tentar te ter de volta
Isa: mas você não devia ter me escondido, doeu muito mais ter sabido as escondidas e você continuando não querendo me contar, do que se você tivesse falado a verdade
Júnior: eu sei, amor, mas eu ainda sou um menino e to aprendendo muito com você, tenta me entender, eu tenho um medo absurdo de perder você, eu já fui muito burro no passado, te perdi e foi a pior dor que eu senti, e agora que te reconquistei, não posso deixar você escapar pelas minhas mãos, e ainda por uma pessoa que faz parte do passado
Isa: parece que ela não faz parte do passado né?
Júnior: faz, eu juro que faz, ela só quis conversar comigo aquele dia, depois nunca mais nos falamos
Isa: tudo bem, deixa pra  lá
Júnior: certeza?- assenti- desculpa também por fazer você passar mal, quando a Gabi me disse, nossa, voei pra la
Isa: relaxa, estamos bem- olhei pra minha barriga e acariciei a mesma-
Júnior: mas fiquei preocupado- sorri, dei um selinho nele e sentei no meio de suas pernas, comemos entre muitos carinhos, as vezes ele dava algumas frutas na minha boca e eu na dele, levei as coisas la pra baixo e aproveitei pra fazer o leite da Lívia, acordei a preguicinha, dei seu leitinho e a mesma voltou a dormir, passei no quarto em que as meninas estavam, e as mesmas ainda estavam dormindo, voltei pro meu quarto e o Júnior falava com alguém no telefone, fui pro banheiro, me despi e entrei no box, tomei um banho morno e relaxante, estava precisando- amor?
Isa: hum
Júnior: to indo treinar ta? e de la ja embarco pra Paris
Isa: fica só até amanha né?
Júnior: chego de madrugada
Isa: ok
Júnior: sai logo dai, pra eu poder me despedir- enxaguei o corpo, fechei o chuveiro, dei uma secada por cima e enrolei a toalha no corpo, ele se aproximou de mim e me beijou, com bastante pegada, com bastante vontade, as mãos bobas começaram a aparecer, mas ele tratou logo de encerrar o beijo- agora não tenho tempo, mas quando eu voltar, você não me escapa- gargalhei, ele me deu mais um, dois, três, quatro beijos e se foi, terminei de me secar e vesti uma roupa larguinha já que minha barriga já estava um pouco mais aparente, arrumei a cama e me deitei nela, fiquei mexendo no celular e depois resolvi conversar com meu bebê-
Isa: ta ansioso pra vim pra esse mundão? mamãe ta muito ansiosa, ver o seu rostinho, te pegar no colo, te ninar, te dar de mama, prometo que vou cuidar muito bem de você, e que nada de mal vai te acontecer, vou ser sua escudeira, sua protetora, pra sempre! Eu e você, ok?- acariciei minha barriga por cima da blusa, e senti-o mexendo, meus olhos se encheram de lágrimas- você gosta quando a mamãe conversa com você?- sorri, e ele continuou se mexendo- você vai adorar ouvir a voz do papai também, é a voz mais linda do mundo, se você for uma menininha, você vai ser completamente apaixonada pelo seu pai, assim como eu sou pelo meu, mas se você for um menininho, você vai ter ele como exemplo, assim como o seu papai tem o dele. E você vai ter uma irmãzinha e um irmãozinho, que vão te amar muito, assim como eu, o papai, a vovó Deborah, vovó Nadine, vovô Neymar, vovô Felipe, as titias e os amigos loucos do papai- sorri- você nem nasceu e já é amado por muita gente, e ah, ainda tem as fãs doidinhas do papai, que tenho certeza que vão ser completamente apaixonadas por você.- as lágrimas rolaram e eu continuei conversando com ele, adorava tagarelar com meu pimpolho, me fazia um bem danado, era muito gratificante sentir aquele serzinho totalmente dependente de você, se mexer, era maravilhoso. As meninas acordaram, dei um beijo na barriga da Gabi e elas deram outro na minha, fui dar uma olhadinha na Lívia e ela ainda dormia, meu Deus, o que deu nessa menina hoje? Fomos pra cozinha e fiquei fazendo companhia enquanto elas tomavam café, minha pequena deu sinal de vida e eu fui até ela, troquei sua fralda, passei um lencinho no seu corpo e vesti-a com o body rosinha, desci com ela e ficamos na sala, assistindo TV. A Nika desceu as escadas correndo, e levou um escorregão, as meninas riram e eu fui pegá-la, acho que um dia essa cachorra ainda se mata, coloquei-a sentada do meu lado e ela ficou brincando de morder meu dedo, os dentinhos dela estavam bem afiadinhos e em uma dessas mordidinhas, ela quase arrancou um pedaço do meu dente, fiquei brava com ela e coloquei-a no chão, ficou todo tristinha e eu fiquei mais apaixonada ainda, tirei uma foto e coloquei-a sentada do meu lado novamente.
isabonilha: Não aguento isso    #tristecomamamae
Olhei no relógio e já estava quase na hora do almoço, fui pra cozinha com a Bia e a Gabi ficou na sala com a Lívia, fizemos uma coisa rápida, arroz, feijão, bife e batata, comida preferida do Júnior. Preparei a papinha da Lívia e chamei a Gabi, peguei meu amorzinho no colo e dei sua comidinha, ela se lambuzou toda e ainda ria, impossível não rir também. Limpei sua boquinha e deixei ela brincando com o mordedor que o papai tinha dado pra ela, almocei conversando com as meninas e rimos bastante, a Gabi lavou a louça e eu subi com a Lívia para lhe dar banho, entramos no seu quarto, enchi a banheira e joguei o termômetro ali dentro, despi minha pequena e coloquei-a dentro da banheira, ela jogou água pra todo lado, coloquei seus brinquedos ali dentro e lhe dei um banho bem gostoso, enrolei-a na toalha e sequei-a, passei pomadinha e vesti sua fralda, coloquei uma blusinha branca com rosa e um shortinho rosa, uma sandalinha dourada e penteei seu cabelinho, perfumei-a e deixei-a no berço com seus brinquedinhos, liguei a baba eletrônica e saí do seu quarto. As meninas me avisaram que iriam embora, nos despedimos e elas saíram.

Isa: oi amores- acariciei a cabeça do Poker e coloquei a comida na sua tigela, troquei sua água e fui atrás da Nika. Achei-a no jardim toda suja- não faz mais isso, Nika, mamãe vai ficar brava- lavei suas patinhas no tanque e sequei-a, entrei e coloquei comida pra ela, troquei sua água também e deixei os dois comendo. Subi e fui pro meu quarto, separei uma roupa e deixei em cima da cama, entrei no banheiro e tomei um banho relaxante, saí, enrolei a toalha no corpo e fui pro quarto, vesti uma regatinha cinza e um short jeans de lavagem clara, calcei uma rasteirinha, peguei minha bolsa e fui pro quarto da Lívia. Peguei-a e coloquei-a no bebê conforto, dei um de seus brinquedinhos favoritos e tirei uma foto da minha princesa.
isabonilha: Passeio com a mamãe!   
porvoceisa: que bebê mais deliciosaaaaaaaaa   
weneedisab: olha essa carinha de sapeca
iphonedaisa: que coisa mais linda, meu Deus
umamorneymar: que anjo, gente   
team_isamar: apaixonada estou   
guipitta_: princesaaa   
neymarjr: o sorriso mais lindo do mundo, sapequinha   
ourlovenjr: impossível não se apaixonar por essa baby
welovenjr: olha essa carinhaa   
shadesofnjr: apaixonadaaa
fasrafaella: meu Deus, que lindaaa
porvocerafaella: gostosaaaaaa
rafaella: linda da tia
userf: que bebê linda
hugogloss: linda como a mãe
tricotei: Neymar vai ter muito trabalho daqui alguns anos   
rennanbonilha: estou com saudade da minha amiga Lívia
amigasparasempre: já quero ela e o bebê da Gabi brincando   


Parei de ver os comentários porque se não, não saia de casa, peguei a bolsa da Lívia e o bebê conforto, desci e dei uma olhada nos meus filhotes, mandei beijinhos pra eles, peguei a chave do carro, saí de casa, tranquei tudo e fui até a garagem, coloquei a Lívia na cadeirinha e entrei no carro. Dei partida e saí de casa, saí do condomínio e fui rumo ao Pedralbes Center, um dos lugares que mais amo em Barcelona pra fazer compras, e eu já tinha que comprar algumas coisinhas por conta da gravidez. Estacionei o carro no meio fio, peguei minha bolsa e desci, dei a volta, peguei a bolsa da Lívia, passei pelo meu corpo e tirei-a da cadeirinha, fechei a porta e alarmei o carro.

Isa: vamos passear, mamãe?- dei um beijo nela, atravessei a rua e logo já estava perto das lojas, o Pedralbes Center é tipo um shopping, só que em um local aberto, gosto dele por correr bastante ar e assim não me sinto sufocada que nem os outros lugares, nos shoppings normais, como vai muita gente fica muito abafado, é ruim pra mim tanto pra Lívia, e depois que descobri esse lugar só venho aqui. A variedade de lojas é fantástica, até melhores que nos shoppings, tem de tudo e a Lívia adora isso aqui. Comecei minha passeata olhando roupas pra minha filha, na primeira loja que parei de bebê, comprei uma jaqueta dourada, maravilhosa, experimentei na minha baby e ficou linda (...) Consegui achar bastante coisas para mulheres grávidas aqui, e roupas lindas, que me senti muito bem com cada uma, comprei algumas roupinhas pro meu afilhado e mais algumas pra Lívia, parei pra tomar um sorvete com a minha pequena, dei algumas colherzinhas pra ela, mesmo sabendo que não podia, mas os olhinhos pidões dela foram meu ponto fraco, depois dei água pra ela e fomos embora, passei na casa da vovó Nadine, todos estavam lá, mataram a saudade da minha pequena que se divertiu bastante com os tios bobões que ela tem, quando deu umas cinco horas resolvi ir embora.

Nadine: tem certeza que não quer dormir aqui?
Isa: tenho tia, tenho que cuidar dos meus filhotes- ri-
Nadine: qualquer coisa me liga
Isa: pode deixar- fui pra perto do Jota que estava com a Lívia- vamos embora, filha?- ela estendeu os bracinhos pra mim e peguei-a no colo, me despedi de todos e saímos.
isabonilha: Dia cansativo hoje, eu e a Lívia só precisamos de um bom banho e cama!
team_isamar: maravilhosaaaa   
neymarjr: to com saudades   
gabimarques: que amiga linda eu tenho 
porvoceisa: maravilhosaa
isabonilha: to morrendo de saudades    volta logo @neymarjr

Fechei o insta e dei partida no carro. Cheguei em casa, tirei a Lívia da cadeirinha e entramos, o Poker fez uma festa que só, já a Nika nem saiu do lugar, bicha preguiçosa. Subi com a Lívia e eles vieram atrás, coloquei a Lívia na minha cama e o Poker e a Nika subiram em cima, tentei tirá-los de lá, mas a Lívia estava adorando essa bagunça, então... Coloquei uns travesseiros em volta dela e desci pra pegar as sacolas, peguei tudo e alarmei o carro, deixei em cima do sofá e fui preparar a mamadeira da pequenina, esquentei a água e coloquei na mamadeira, joguei leite em pó e saí da cozinha, peguei as sacolas e subi, entrei no meu quarto e a boneca estava dormindo, agarradinha ao Poker e a Nika na beirada da cama, onde sempre dorme, quando o Júnior não joga ela pra fora. Coloquei as sacolas no closet e voltei pro quarto, tinha que registrar esse momento fofo.
isabonilha: Dormindo agarradinha com o cachorro do papai   
Nem olhei os comentários, sentei ao ladinho deles e fiquei fuçando no celular, apaguei algumas fotos, aplicativos, fiz um limpa no meu celular, pois ele estava lento demais, reiniciei ele e depois fui direto no whats, respondi mensagens de todos e deixei o Júnior por último.

Como estão as coisas ai? 14:37
Ta tudo bem? 14:37
     Oi amor, ta tudo bem
    Acabamos de chegar da casa da sua mãe
E a Lívia?
     Ta dormindo agarradinha com o Poker   
     Olha a foto que postei no insta
Que linda hahahah   
Depois eu vejo
Foram a onde hoje?
     No Pedralbes Center
Vishhh, ja sei que perdi mais uma gaveta 
no closet   
     HAHA engraçadinho
     Mas eu estava precisando comprar umas roupinhas
     largas
Só não vou falar nada porque sei que
é por conta do meu filho kkkk
     Vai ver se eu to na esquina, ouu
     Ja ta indo pra Paris?
Estamos no aeroporto, ja ja embarco
      Quando chegar la me avisa
      E pega a camisa do David pra mim   
Vou pegar nada, tem que ter camisa só minha   
      Com autógrafo e dedicatória
      Bem linda
      Com carinho para a linda Isa, David Luíz
Vai sonhando...
      Por favor, amooorrrr
Não! Só eu posso estar na sua vida
      Pega a do jogo, porque ai vai ta com o cheirinho dele
ISABELA
      Oi
Vou te falar nada não
Vou entrar no avião
Se cuida, qualquer coisa me liga
Da um beijo na minha filha
Amo você
     Não esquece da minha camisa   
tnc
     Te amo, amor kkk
     Boa viagem, me avisa quando chegar
Te extraño
     También 

Ele não disse mais nada, fechei o whats e dei uma olhadinha no insta, respondi alguns comentários das minhas fotos e saí. O Júnior me pediu a um tempinho atrás que eu pedisse demissão da empresa, de inicio fui contra, porque quero ter meu trabalho e meu dinheiro, mas está sendo muito difícil conciliar a Lívia e a distancia com a empresa, e estou pensando seriamente em pedir demissão, mas por outro lado também pensei em criar um site da empresa, onde daria dicas de decoração e eu ficaria encarregada por isso; mas preciso falar com o João e pra isso preciso arranjar tempo pra ir pra Madrid. Vida de mulher de família não é fácil não.


I'M BACKKKK!!!!! Sentiram saudades? Estão querendo me matar? Sim e sim né?! Hahahahah peço mil desculpas por ter abandonado aqui, mas as ideias me fugiram da cabeça. Estava lendo um blog que eu amo, e ele me incentivou muito a voltar a escrever aqui, espero que minhas leitoras ainda estejam comigo. Dei até uma mudada no visu do blog, o que acharam? Sei que o post foi pequeno, mas prometo que vou recompensar esse tempo perdido. Não garanto que vou postar toda semana, porque caso vocês não saibam, sofri um acidente e fiquei em casa durante três semanas, e amanha estou voltando pra escola, então vou ter que colocar toda a matéria em dia, e estudar muito, mas quando eu tiver um tempinho vou postar aqui. Beijoooos, amo vocês e não me abandonem.  

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Capítulo 51- Brigas sempre vão existir... Eu estou aqui por você e nada de mau vai lhe acontecer!

Isa: Júnior, a casa é linda, mas você sabe que eu prefiro apartamento, sempre morei em apê e acho mais seguro- respirei fundo e fechei os olhos-
Laura: O que decidiram?- olhei pra Isabela-
Isa: Faz o que quiser, minha opinião não importa mesmo- ela saiu e eu tive que me segurar muito pra não gritar-
Laura: Ela é sempre estressada?- se aproximou de mim, e eu me afastei-
Júnior: É por conta da gravidez- bufei- Vou ficar com a casa, depois meu empresário entra em contato com você- nem esperei ela responder e saí, a Isabela estava encostada no carro brincando com a Lívia, destravei o mesmo e entrei, ela abriu a porta de trás, prendeu a Lívia na cadeirinha e sentou ao seu lado, fuzilei-a com o olhar pelo retrovisor, dei partida e fui pra casa. 

Isa narrando
Chegamos na casa dele, o mesmo saiu do carro e entrou, ele conta praticamente nossa vida pra uma mulher que mal conhece e a errada ainda sou eu? Que interessante! Peguei a Lívia e entrei também, ele estava na sala conversando com o Gustavo e o Jota.
Jota: Isinhaaa- dei um sorriso amarelo- Vem com o tio vem, princesa- pegou a Lívia do meu colo, e eu aproveitei pra subir, entrei no quarto dele e me joguei na cama, que raivaaaaa! Minutos depois ouvi a porta batendo-
Júnior: A gente pode conversar?
Isa: Conversar? Acho que você não sabe bem o significado dessa palavra
Júnior: Ah, Isabela, pelo amor de Deus
Isa: Pelo amor de Deus digo eu, Júnior, você podia ter me avisado que já estava vendo uma casa
Júnior: Eu queria fazer surpresa, Isabela
Isa: E fez, contando nossa vida pessoal pra uma pessoa que mal conhece
Júnior: Eu fiquei empolgado, queria espalhar minha felicidade pra todo mundo
Isa: Ok Neymar, só te lembrando que nós decidimos não espalhar pra todo mundo, pro bem do seu próprio filho- bufei, passei por ele, mas ele me puxou-
Júnior: Desculpa vai
Isa: Você ficou com a casa?
Júnior: Fiquei
Isa: Então more você e seus amigos lá
Júnior: Isa, vamos descomplicar as coisas vai, a casa é super segura, é um condomínio de casa, tem porteiro, não tem perigo
Isa: Ta bom, Júnior
Júnior: Pensa, pelo menos
Isa: Ta, agora eu quero comer- ele riu- Da pra me soltar?
Júnior: Pronto estressadinha- saí, e desci, o Jota e o Gustavo estavam que nem dois retardados brincando com a minha filha, passei por eles e fui pra cozinha, onde a Ma estava-
Isa: Sabe o que eu to com vontade de comer?
Marcela: O que?- ela riu-
Isa: Tapioca- o Duda entrou na cozinha-
Duda: Agora aguenta os desejos dela
Isa: Shiu, seu afilhado que ta pedindo
Duda: Ainda coloca a culpa no bebê- rimos-
Isa: Posso fazer, Ma?
Marcela: Não quer que eu faça?
Isa: Não, pode deixar- ela assentiu, me mostrou onde estavam as coisas, e eu comecei a preparar minha tapioca, coloquei recheio de frango com catupiri, e fiz outra com recheio de chocolate, coloquei as duas em um pratinho e fui pra sala, agora estavam Rafaela, Júnior, tio Neymar, Jota e Gustavo brincando com a minha princesa, e ela estava adorando, dava altas gargalhadas-
Jota: Quem fez isso ai?
Isa: Eu- comecei a comer-
Jota: Eu quero
Isa: Vai fazer, ué
Jota: Grossa
Isa: Love you, baby- ri, continuei comendo e eles fazendo a Lívia rir, o Júnior roubou uns pedaços da minha tapioca e eu acabei dando um pedaço pro Jota também, terminei e levei as coisas pra cozinha, lavei o que sujei e voltei pra sala, a Rafa já estava dando o mama da Lívia e eu agradeci, porque tinha esquecido, que mãe desnaturada eu sou! Peguei meu celular e fiquei mexendo no mesmo.
isabonilha: Good afternoon  
Fiquei conversando com eles, mas tinha que voltar pra Madrid, pois tinha que trabalhar em alguns projetos, me despedi de todos e saí com o Júnior [...] Chegamos em Madrid, me despedi dele e subi, fui com a Lívia até seu quarto, e coloquei-a no berço, fui pro meu quarto, tirei a roupa que estava e coloquei uma mais fresca. Comecei meu trabalho, e coloquei meu celular pra despertar oito horas da noite. Consegui terminar quase tudo que precisava, tomei um banho, vesti um moletom e uma camisa do Júnior, fui até o quarto da Lívia e acordei-a, dei um banho nela e fomos pra cozinha, preparei seu leite e dei de mama pra ela, depois fomos pra sala e coloquei no Cartoon Network, que ela adora, fiquei assistindo desenho o restinho da minha noite [...] Mais um mês se passou, de tanto o Júnior ficar enchendo o saco, acabei aceitando morar naquela casa gigante, de tanta pressa que ele estava, contratou logo uma arquiteta e em mesmo de vinte dias já nos mudamos pra casa. Faz dez dias que estamos morando juntos, conversei com o João sobre isso, e eu ficaria com o mesmo cargo, mas precisaria ir pra Madrid uma vez por semana, a Bia já voltou do Brasil e está morando com a Gabi e com o Gil, minha amiga virou vela, tadinha, mas já começou a ver um apartamento pra ela. O Júnior todo dia me acorda com um jeito diferente, mas sempre romântico, um dia é café na cama, outro é me levando até a cozinha no colo, outro dia é café a dois na area da piscina, e eu não posso reclamar de nada. A Lívia está cada vez mais esperta, ela já está com 7 meses e giganteee, presta atenção em tudo o nós dizemos, e está uma lindeza. Minha barriguinha já está um pouquinho mais aparente, já completei 3 meses, mas sempre tento esconde-las com roupas um pouquinho mais largas. O bebê da Gabi não colaborou no ultimo ultrassom pra sabermos o sexo, e hoje ela fará o ultrassom de novo e se Deus quiser nosso baby vai se revelar.


Quinta-feira, 9 de abril de 2015.
Acordei com o Júnior me enchendo de beijinhos, noivo mais romântico que o meu não existe, e eu não tenho que reclamar de nada, porque eu adoro ele todo romântico, mas como minhas mudanças de humor estão constantes, têm dias que não gosto dele meloso, e ele fica um pouco tristinho, mas depois peço desculpa e acho que ele tenta me entender. Estamos esperando o Gil chegar com a Gabi pra contar a novidade, já que hoje nosso (a) afilhado (a) resolveu colaborar, tomamos café na cama, juntinhos e com muito amor, ele levou as coisas la pra baixo e eu fui acordar a Lívia, peguei-a no colo e enchi-a de beijinhos, ela resmungou mas logo acordou, dei-lhe um banho e a deixei apenas com um body, fui pro meu quarto e o Júnior estava deitado.
Isa: Amor, fica com ela pra mim?
Júnior: Fico
Isa: Mas é pra olhar ela, Júnior, não ficar prestando atenção nesse celular- ele jogou o celular na cama e me olhou- Obrigada- dei ela pra ele, e o mesmo deitou na cama com ela, entrei no closet, escolhi minha roupa e fui pro banheiro, tomei um banho rápido, passei óleo na minha barriga e nos meus seios, me vesti e voltei pro quarto fazendo um coque no cabelo, o Júnior na estava mais la, saí e fui descendo, a Gabi e o Gil já estavam ali, cumprimentei-os e sentei ao lado da Gabi e fiquei olhando pra ela-
Gabi: O que foi, louca?
Isa: Quero saber logo
Gil: Tan tan tan- riu-
Júnior: Fala logo caramba
Gabi É um...
Gil:.. menino!- sorriram-
Júnior: Eu falei, eu falei- deu uns toques com o Gil- Mas um molecão pro nosso bonde
Gabi: Vai nessa, filho meu não vai pra farra não
Gil: Agora falta o seu, Juninho, pra completar nosso bonde
Gabi: Nós vamos nos unir contra vocês
Isa: Meu filho não fica com vocês sozinhos, nem passando por cima do meu cadáver 
Júnior: Lembrando que: o filho é nosso também!- sorriu cínico-
Gabi: Quem ta gerando somos nós, então é mais nosso do que de vocês- ri-
Isa: Vamos subir, quero te mostrar uma coisa- peguei a Lívia do colo do Júnior e subi com a Gabi, fomos pro quarto da Lívia e fiquei mostrando as coisinhas que tinha comprado pra Lívia e algumas pro meu baby, todas unissex, aproveitei e peguei as coisinhas que tinha comprado pra ela- Como não sabia o sexo, comprei unissex
Gabi: Ai amiga, são lindas- ela sorriu- Obrigadaa
Isa: Não tem que agradecer- sorri, mostrei as roupinhas da Lívia e ela babou em todas elas, ficamos conversando sobre nossos bebês, saí do quarto pra pegar meu celular, ouvi os dois conversando, e parei na escada assim que ouvi o Júnior falar o nome da Bruna-
Gil: Juninho tu tinha que ter contado pra ela
Júnior: Meu, eu não sabia como contar pra ela, eu só queria ficar de boa com ela, e nossa vida ta tão boa que eu não quero estragar
Gil: É, e se ela descobre? 
Júnior: Só você e os meninos que sabem, e sei que vocês não vão contar- desci as escadas como se não houvesse escutado nada, mas eles não perceberam minha presença- Foi bom ter falado com a Bruna no dia do meu aniversário, esclareci algumas coisas entre nós
Isa: Como é que é?- eu queria ter fingido que não tinha escutado nada e apenas ter pego meu celular, mas não consegui-
Júnior: Amor, você não tava no quarto com a Gabi?
Isa: Estava, Júnior não me enrola- o Gil olhou pra ele- Então a conversa do face time não era antiga?
Júnior: N-não!- olhou pra baixo, ouvi uns passos na escadas e previ que era a Gabi-
Gabi: Isa, a Lívia dormiu, nós temos que ir embora
Isa: Tudo bem! Acho que vou dar uma passadinha em Madrid hoje pra ver a Bia- ela assentiu, nos despedimos e eles saíram- E então?
Júnior: A foto não é antiga, nós se falamos no dia do meu aniversário, mas ela só me desejou parabéns e pronto
Isa: E que coisas você tinha que esclarecer com ela?
Júnior: Não é nada, amor
Isa: Neymar
Júnior: Só esclareci as coisas depois da sua gravidez, e somos apenas amigos
Isa: Amigos? Depois de tudo o que essa menina fez pra nos separar, você ainda consegue ser amigo dela?
Júnior: Isabela, passado é passado! Nós temos que viver o presente
Isa: Então vá viver se presente com ela- ia subir, mas ele me puxou- O que foi? Qual a desculpa você vai dar? Neymar, a cada dia que passa você está me machucando mais, primeiro você conversa com uma pessoa que quase matou os seus filhos e depois conta nossas intimidades pra pessoas que nem conhece, o que mais você vai fazer?
Júnior: E os momentos bons você não fala? Todo dia eu faço um coisa diferente pra você, pra provar o quanto eu te amo, mas você só ve as coisas ruins, é sempre assim Isabela, você só ve a parte ruim das coisas
Isa: Eu sempre reconheci as coisas que você fez pra mim, foram lindas, mas são coisinhas pequenas que machucam as pessoas- saí de lá e fui pro quarto da Lívia, segundos depois ouvi a porta da sala sendo batida com uma força fora do normal, saí do quarto da Lívia e dei uma espiada na sala pela escada. Voltei pro quarto da minha princesa e deitei em sua cama, as primeiras lágrimas rolaram pelo meu rosto e eu dei inicio a minha crise de choro. O que custava ter me contado que tinha conversado com ela? Seria melhor do que ter mentido, porra! Comecei a sentir pontadas na minha barriga, e o medo me dominou, coloquei minhas mãos sobre minha barriga e acariciei-as, mas as pontadas só aumentavam, o medo e o desespero de perder meu filho novamente só aumentaram, procurei meu celular, mas com toda essa confusão esqueci de pegá-lo na sala, levantei e desci encurvada, porque as dores estavam muito fortes. Disquei o número da Gabi e no segundo toque ela atendeu.
inicio
Gabi: Oi Isa
Isa: Gabi, onde você ta?
Gabi: Acabei de deixar o Gil na casa do Juninho, aconteceu alguma coisa?
Isa: Vem aqui pra casa, por favor
Gabi: O que aconteceu, Isabela?
Isa: Vem pra cá e eu te conto
Gabi: Ta bom
término

Sentei no sofá e fiquei acariciando minha barriga, pra ver se as dores passavam, mas de nada adiantava, a campainha tocou e eu levantei pra atender.
Gabi: O que foi? Que cara é essa?
Isa: To sentindo umas dores muito fortes na barriga- ela me ajudou a sentar-
Gabi: Ai meu Deus, de novo não amiga! Vamos pro hospital
Isa: Não, calma!
Gabi: Que calma, Isabela, vou pegar suas coisas e a Lívia, não saí daqui- ela subiu e voltou uns cinco minutos depois, com a minha princesa nos braços, ainda dormindo, e minha bolsa, saímos, pedi pra ela pegar a cadeirinha da Lívia no meu carro e assim ela fez, prendeu minha filha na cadeirinha e entrei no banco do carona [...] A Gabi voou pro hospital, dei meus dados na recepção e fiquei aguardando alguém me chamar, fiz a pré-consulta e me encaminharam pra emergência, graças a Deus a dra Antonella estava de plantão e poderia me atender.-
Dra Antonella: O que aconteceu, Isa?
Isa: To com fortes dores na barriga
Dra Antonella: Em que região?- passei a mão pela mesma, ela pediu pra eu deitar na cama e apalpou minha barriga, me encaminhou pra sala do ultrassom e fizemos um ultrassom as pressas, estava tudo bem com o meu bebê, graças a Deus, mas eu teria que ficar em observação até o fim do dia- Você anda muito estressada?
Isa: Não
Dra Antonella: Certeza?
Isa: Hoje tive uma pequena discussão com o meu namorado
Dra Antonella: Você tem que evitar estresse na gravidez, você tem um risco muito grande de perder o bebê, então vamos fazer tudo direitinho- assenti- Não sei se vocês conseguiram ouvir, mas nesse ultrassom deu pra ouvir o coração do bebê- parece que saiu um peso das minhas costas quando ela disse isso-
Isa: Graças a Deus
Dra Antonella: Agora fiquei quietinha, você poderá receber visitas, mas se for alguém que te deixará nervosa, recomendo que não- assenti, e ela saiu do quarto-
Gabi: Não vai avisar o Juninho?
Isa: Não!- ela assentiu, fiquei conversando com ela e pedi pra ela ir embora com a Lívia, pois esse não era um bom ambiente pra ela ficar, ela ligou pra Bia e pediu pra Bia vir pra Barcelona- Não precisava, Gabi
Gabi: Não posso te deixar aqui sozinha- revirei os olhos e ela riu.

Júnior narrando
Saí de casa fervendo de raiva, porque mulher tem que complicar tanto as coisas? Se você fala a verdade elas reclamam, se você mente elas reclamam mais ainda, mulher é um bicho difícil de se entender. Cheguei na minha antiga casa e os meninos estavam todos na área da piscina bebendo, me juntei a eles e comecei a beber, precisava me distrair e esquecer tudo isso, fiquei na esperança da Isabela ligar e pedir pra eu voltar pra casa, mas foi em vão. Olhei no relógio e já se passavam das seis horas da tarde, liguei no telefone de casa e ninguém atendeu, liguei no dela e deu fora de área, onde essa mulher se meteu? Entrei no whats e a ultima visualização tinha sido de manhãzinha, mandei mensagem pra Gabi.

Gabi
Você ta com a Isabela?
    Não, to na sua casa
E ela ta a onde?
    Ela pediu pra não te falar
    mas como você tem direito de saber
    ela ta no hospital com a Bia
O que aconteceu?
Foi com a Bia ou com ela?
    Com ela, seu idiota
O QUE ACONTECEU?
     Depois que você saiu, ela passou mal e me ligou
Em que hospital ela ta?
    Hospital de la Santa Creu i Sant Pau

Bloqueei meu celular e saí da área da piscina, os meninos ainda perguntaram o que aconteceram mas não respondi, entrei no meu carro e fui rumo ao hospital, quase me matei no caminho, já estava um pouquinho alterado e se a policia me parasse eu estaria ferrado, e pra minha sorte, tinha dois carros de policia.
Júnior: Droga!- bati no volante, abri o vidro do carro e o moço pediu pra eu fazer o bafômetro, fiz e o nível de álcool no meu sangue deu muito alterado-
Policial: Vostè haurà de acompanyar-me a l'estació de policia- O senhor vai ter que me acompanhar até a delegacia-
Júnior: Ho sento , però la meva dona està a l'hospital amb els meus fills- Desculpa, mas minha mulher está no hospital com meus filhos-
Policial: Sr- me pressionou e eu não tive outra escolha, fui com ele pra delegacia. Tentei me livrar deles o mais rápido possível, mas ainda tive que falar com o delegado, expliquei que estava na minha casa com os amigos e que tinha que ir pro hospital ver minha namorada, fiquei cerca de uma hora e meia ali, liberaram minha fiança e eu paguei, to nem vendo o tanto que o Duda e o meu pai vão falar quando isso sair na mídia. Voei pro hospital, dei o nome da Isabela e liberaram minha visita, bati na porta do quarto e ouvi a voz da Bia falando entra-
Isa: O que você ta fazendo aqui?
Júnior: Bia, deixa a gente conversar- ela olhou pra Isabela-
Isa: Bia- fuzilei-a com o olhar, mas ela não se intimidou-
Bia: Vai ser bom pra vocês, qualquer coisa só gritar- deu um beijo nela-
Júnior: Por que não me avisou que estava no hospital?
Isa: Você se importa?
Júnior: Claro que me importo, Isabela, meu filho ta dentro de você
Isa: Hum- ia responder, mas a médica entrou no quarto-
Dra Antonella: Tudo bem?- olhou pra ela-
Isa: Sim
Dra Antonella: Senhor Neymar, por favor, a minha paciente não pode passar nervoso, isso é um risco pra gravidez, então colabore o senhor também- assenti, e ela saiu-
Isa: Eu acho que é melhor nós nos separarmos durante a gravidez- o baque que as palavras dela causaram em mim foi muito grande-
Júnior: Amor, não, por favor, não faz isso de novo, desculpa, eu te amo e prometo que vou fazer de tudo pra você e pro nosso bebê ficarem bem, mas não me abandona, por favor- acho que o efeito do álcool já estava ajudando pra eu ficar assim-
Isa: Júnior, se nós ficarmos brigando isso não vai ser bom pro nosso filho
Júnior: Eu prometo que não vou mais te magoar, eu vou cuidar de vocês- aproximei dela, e acariciei seu rosto-
Isa: Você bebeu?
Júnior: Um pouquinho
Isa: Amor, vai pra casa, toma um banho e dorme, é disso que você ta precisando
Júnior: Não! Eu vou ficar aqui com você- puxei a cadeira mais pra perto da cama e me sentei, peguei a mão dela e fiquei alisando a mesma- Brigas sempre vão existir... Eu estou aqui por você e nada de mau vai lhe acontecer!- ela sorriu e eu lhe dei um beijo rápido, a mesma reclamou do gosto de álcool e eu ri, fiquei ali com ela até a médica entrar e libera-la.

Isa narrando
Depois da nossa conversa, tentei ficar o máximo calma com a presença dele ali, a Bia voltou pro quarto e ficamos em um silencio de matar, ele começou a perguntar as coisas e eu apenas respondia, falei que deu pra ouvir o coração do bebê e assim como eu, parece que ele tirou um peso das costas. Dez horas a médica veio me liberar, passou todas as recomendações e saímos do hospital, optei ir com a Bia porque no estado que ele estava, não confiava muito, tentei faze-lo ir com a gente também, mas ele é teimoso e falava que estava bom, entrei no carro e a Bia deu partida, chegamos em casa, mandei o Júnior logo pro quarto e fui pro quarto da Lívia, ela viu a Bia e abriu um sorrisão.
Bia: Oi amor da tia- encheu ela de beijos-
Gabi: E ai, como foi com ele lá?
Isa: Normal, pediu desculpas e todo aquele blá blá blá
Gabi: É sempre assim- riu- Amiga, posso dormir aqui?
Isa: Vocês devem dormir aqui, não vão voltar pra Madrid uma hora dessa né
Gabi: É, e o Gilmar deve ta mais do que bêbado- rimos-
Isa: Só vou tomar um banho e mostro os quartos pra vocês- elas assentiram, entrei no meu quarto e o Júnior estava jogado na cama só de cueca, cheguei mais perto e cheirei-o pra ver se tinha tomado banho, e ele estava cheirosinho, entrei no closet, peguei uma blusa dele e um short curtinho, fui pro banheiro e tomei um banho rápido, me vesti e voltei pro quarto da Lívia, a mesma já estava dormindo, então decidi junto com as meninas dormimos nós três juntas, as duas desceram pra preparar algumas guloseimas e eu fui arrumar o quarto de hóspedes, liguei a TV e um tempinho depois elas subiram com uma panela de brigadeiro e uma vasilha com pipoca, nos deitamos e ficamos zanzando na televisão.



Meus amooooores, ta ai o capítulo! Ultimo antes do Natal, mas não o ultimo do ano ok?! Espero que tenham gostado desse capítulo, tive essa ideia de colocar a Isabela passando mal por causa do aniversário do Júnior há um tempinho atrás e estava louca pra colocar em pratica, mas não sabia como, estava com a imaginação zerada, sorry, mas o capítulo saiu!!!!


Bom, espero que o Natal de vocês sejam maravilhoso, que o nosso menino Jesus nos abençoe cada dia mais, e que o ano que está por vir seja repleto de alegria. Natal tem tudo a ver com amor. É a época do ano em que nossos corações estão mais receptivos e harmoniosos e nossas esperanças são renovadas. Todos os dias temos provas da existência de Deus: a luz do sol, as flores no jardim... Mas foi na noite de dezembro, anos atrás, que Ele se mostrou misericordioso conosco, colocando o Filho de seu amor entre nós. Por isso espero que essa essência desta chama divina esteja sempre em nossos corações e que ela traga um Natal de paz. Aproveitem bastante o dia 24 e o dia 25! Beijinhos, amo vocês!